Rolim:Servidores da Saúde, Educação e demais orgãos municipais podem entrar em greve nesta sexta


Rolim:Servidores da Saúde, Educação e demais orgãos municipais podem entrar em greve nesta sexta

 

 

De acordo com os trabalhadores a Administração Municipal não vem respeitando os servidores, salários atrasados, descontos indevidos e sem as mínimas condições de trabalho em seus setores. No último dia 30 houve uma reunião na sede do sindicato onde foram discutidos as pendências como o impasse com o Executivo Municipal sobre o atraso no pagamento de salários dos servidores, o repasse dos valores do convênio do sindicato de dezembro e parte de novembro de 2014, o cumprimento da pauta de reivindicação, a reposição salarial já aprovada em lei, reposição do auxilio alimentação de 3,69%, e ainda a correção dos valores dos plantões extras e gratificação de lotação e deslocamento.

Uma nova reunião será marcada nesta sexta-feira, 06, onde se definirá a greve por tempo indeterminado ou não, um dos pedidos a parte da planilha de reinvidicações é a pontualidade em data do pagamento dos servidores de todas as categorias. Na última segunda - feira, 02, os diretores do Sinzesmat junto a comissão dos servidores  foram até a Câmara Municipal, em 1ª sessão de 2015, para pedir a interveção dos vereadores a situação dos funcionários municipais, a bancada do legistativo apoiou as condições dos sindicalistas.

Veja a Pauta de Reivindicação de 2015.
 
Os compromissos firmados com os trabalhadores no serviço publico da Prefeitura Municipal de Rolim de Moura, sendo: Pagamento de salários dentro do mês, aplicação da Lei Complementar 108/2012 e Lei Complementar 003/2004;
 
Reposição dos valores de plantões-extras, gratificação de lotação das escolas polos e viagem, tem sua data base julho de cada ano e que a administração firmou compromisso em 03 (três) audiências do comprimento da recomposição, inclusive retroativo a data de correção;
 
Falta de material de expediente, tanto na parte de escritórios, limpeza e didáticos, bem como utensílios específicos aos profissionais da saúde;
 
Irregularidade da data de pagamento dos salários, décimo terceiro e férias, pagando em dias diferentes uma secretaria da outra;
 
Considerando os fatos citados e a preocupação da categoria com a continuidade da situação por mais interstícios final do ente administrativo, a categoria delibera pela seguinte propositura solicitando o cumprimento da pauta de reinvindicação seguinte:
 
1)      Cumprimento da reposição salarial de 5,05% e recomposição das perdas do auxilio alimentação de 3,69%;
 
2)      Pagamento dos salários dos servidores dentro do mês e todas as secretarias com sua remuneração creditada no mesmo dia;
 
3)      Pagamento dos direitos dos planos de carreira da administração e educação e todos os processos que se encontram em tramite, bem como a manutenção dos direitos das legislações municipais vigentes;
 
4)      Repasse dos descontos consignados como: pensões, empréstimos, vale alimentação, plano de saúde, convênio com o SINSEZMAT e outros;
 
5)      Condições de trabalho adequadas, bem como o fornecimento de materiais de qualidade de uso expediente para todas as áreas;
 
6)      Pagamento dos plantões extras juntamente com o salário do mês;
 
7)      Enquadramento dos monitores na 108/2012 a fim de ter o direito da gratificação de lotação.
 
Com informações do sindicato
 
Fonte: Do Rolnews
Publicado por: Portal Rolnews em 04/02/2015 às 18:56:19

Links Úteis