Prefeito de Campo Novo quer terceirizar água encanada e esgoto, mas pede apoio da população


Prefeito de Campo Novo quer terceirizar água encanada e esgoto, mas pede apoio da população

Foto: Prefeito de Campo Novo de Rondônia, Oscimar Ferreira

Felipe Corona
Especial para o Rondôniavip

Recentemente, o prefeito de Campo Novo de Rondônia, Oscimar Ferreira (PV), quis terceirizar para a Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia (Caerd), o abastecimento de água encanada, além de fazer a instalação da rede de coleta e tratamento de esgoto sanitário, mas a Câmara de Vereadores reprovou a medida.

Segundo ele, a cidade precisa urgentemente de investimentos no setor, mas a Prefeitura não tem condições financeiras e estruturais de fazer isso. “Campo Novo precisa urgentemente dessa infraestrutura. Estamos em um funil, no meio de várias serras, onde recebemos água da chuva de todos os lados e alagamos facilmente. O lençol freático é raso. O problema é que não temos grande rede de água e de coleta de esgoto sanitário. Daí, as pessoas utilizam-se de fossas e poços, que acabam contaminando esse lençol freático. Temos uma grande tendência a uma epidemia e o sistema de saúde pode entrar em colapso”, alertou ele.

A ideia dele era fazer uma concessão igual a que foi feita em Buritis para economizar recursos e investir em outras áreas. “Essa terceirização que foi negada para a Câmara seria ideal para Campo Novo, já que a Caerd tem competência nesse setor. Em Buritis, a concessão foi passada para uma empresa privada que está investindo pesado na cidade. Aqui, temos 1.000, 1.200 ligações que teriam a tarifa social, o que seria inviável para uma empresa privada. Nós gastamos 400 mil reais por ano com o tratamento de água, divididos para os produtos e pagamento de funcionários. Se tivéssemos a terceirização, esse dinheiro seria investido em outras áreas”, finalizou ele.

Leia Também:
Prefeito de Campo Novo é contra a reeleição e fala sobre as dificuldades de administrar sob crise


Fonte:RONDONIAVIP


Links Úteis